dezembro 20, 2010

Livro O andar do bebâdo de Leonard Mlodinow

Pela capa é díficil de entender sobre o que é este livro. Mas basta começar a ler para entender que é um livro que tenta mostrar como o aleatório é presente e predominante em nossas vidas. O livro apresenta diversos exemplos de pessoas altamente qualificadas que só não alcançaram maior sucesso apenas pelo fator sorte, e o contrário envolvendo o azar também. Também apresenta diversas histórias envolvendo estatísticas, como o caso do próprio autor que foi erroneamente diagnosticado com aids, do grupo de investidores que ganhou na loteria da austrália basicamente jogando todos os numeros possiveis e as jogadas de numeros mostrando como os melhores jogadores do ano, os melhores filmes do ano e outros grandes feitos são basicamente resultados de sorte. Basicamente o autor defende a idéia de que as ações individuais são apenas mais um fator de infinitos outros, de forma que a propabilidade de se vencer apenas por méritos próprios é ínfima. Ao ler este livro sensacional não pude deixar de relacionar suas idéias com as do filme Whatever Works, comédia de woody allen com larry davis, que mostra como casos aleatórios mudam totalmente a vida de um matemático fracassado.

Um comentário:

Guilherme disse...

Parece que se trata do mesmo assunto que o livro Outliers do Malcolm Gladwell. Que é muito bom!